Mosaico De Palavras

Newsletter

Autores

Retalhos de Corpo Inteiro

 Retalhos de Corpo Inteiro
ISBN 978-989-8682-29-1;

Mais detalhes

Preço baixou!
5,60 € tax incl.

14,00 € tax incl.

(preço reduzido por 60 %)

Disponibilidade:

5 artigos em stock

Lista de Desejos

Programa lealdade Artigo sem pontos incentivo. Os seus pontos incentivo.



Tentamos formar uma convicção duma realidade que julgamos hostil e que, por isso, não nos está sujeita. Achamos sempre que a intempérie humana só se conjuga nas outras cinco vertentes do presente do indicativo. O “eu” deveria, dizemo-lo subconscientemente, estar imune às patologias que nos apavoram e para as quais olhamos com uma “quase certeza” de que nunca nos baterão à porta, nunca nos importunarão e, dia após dia, vamos criando consistências e defesas mentais que nos impelem a olhar em frente com essa tal convicção…

Mas… nem sempre é assim. Esse misto de fatalidade e de angústia quase inultrapassáveis bateu à porta do menino Jorge Silva, que, nascido a 17 de agosto de 1970, no sul da Alemanha, embarca nesta aventura que é a vida com uma sentença ininteligível de morte prematura.

Feito o diagnóstico – fibrose quística, doença incurável, com uma média de vida de cerca de 16 anos – esse menino não perdeu a fé nem deixou de lutar e acreditar na realização do seu sonho de vir a ser homem e pai… Hoje ainda é vivo e mostrou ao mundo que, afinal, um transplante duplo bipulmonar e renal, que era considerado impossível em toda a parte do mundo, afinal era... possível!

Esta obra é, por isso, o espelho disso mesmo: da crença intensa na possibilidade, na ínfima hipótese – seja académica, seja intrínseca –, na força do querer, na vontade de avançar, no princípio da força da mente, em detrimento do corpo. É um retrato realista, ulterior e complexo sobre uma condição humana frágil, tornada forte… uma auréola sã num esteio corporal enfermo… uma anexação de momentos a um só circuito concluído e, paradoxalmente, inconcluso. É assim a vida. E mais se torna assim quando os afazeres do pensamento, as emergências da mente se consubstanciam numa forte, permanente e duradoura âncora que faz avançar… mesmo contra os pergaminhos das infelicidades dos mananciais dos corredores dos hospitais e da frieza da doença. Cada um é isso mesmo… é a sua luta… é a sua força… é o seu credo (seja ele em que entidade ou energia for).

O relato que aqui trazemos, a dor e a bonança, o percurso inaudito pela estrada sem horizonte, os contactos, as aprendizagens, a adaptação ao circunstancialismo rude da brutalidade da sentença, o desmoronamento dos sonhos, a reconstrução dum novo edifício humanizado e humanizante, os testemunhos da classe médica, o experienciar o caos, a revolta e o apaziguamento… o retrato fotográfico dum itinerário sem certezas… um conjunto de emoções, perturbações e alvoroços… irão deixar o leitor suspenso no pendor do condoimento… mas embriagado pelo desfecho de que está ao alcance… está à mão… está mais perto e é tangível quando suplantamos o que se nos depara como inelutável. Esta obra constituirá, ainda, um tratado de coragem, um instrumento de pedagogia e um manual

profilático de abordagem dum problema sem nome… dum nome que se ramifica em muitos outros.

Carrinho  

(Vazio)