Mosaico De Palavras

Newsletter

Autores

Da Terra e da Água «em prosa provavelmente...»

Da Terra e da Água «em prosa provavelmente...»

ISBN: 978-989-8253-95-8

Mais detalhes

On sale À venda!
6,50 € tax incl.

13,00 € tax incl.

(preço reduzido por 50 %)

Disponibilidade:

1 artigo em stock

Programa lealdade Artigo sem pontos incentivo. Os seus pontos incentivo.



Em 25 contos, Portugal e essa coisa actualmente incompreensível de ser português – e gostar ainda de sê-lo – são desfiados e desvendados perante o olhar do leitor. Provavelmente, não terá surgido, nas últimas décadas, na literatura portuguesa nenhuma outra obra onde os múltiplos, díspares e incoerentes traços que enformam a roupa de um luso surjam tão bem entrelaçados como em Da terra e da água, de José Manhente. Lá temos a farpela com que se faz o carácter de um português vendilhão do templo, do migrante dividido entre duas pertenças, do poeta falhado mas sempre iludido, do suicida (e do suicídio) do interior, do herói anónimo, do excêntrico amante de livros numa terra de seguidores das anglo-saxonices, dos/das seculares anikis bobós que se banham no rio interdito, do patrão cru e ignaro que sonha ainda com escravos, do soldado sem guerra e que a faz contra si próprio… E há o magistral duo avô-neto alentejanos que, tal como os autênticos antepassados, ainda sabem ver o verdadeiro valor de uma moeda… mais do que aqueles que a trocaram pelo diabólico e castrador euro. Poderá haver prova maior de que o que vem de lá de fora foi o que sempre nos cerceou as pernas?... Nem a pimenta da Índia nem o euro dos teutónicos alguma vez fizeram bem a um país que tanto é de água como de terra…

 

Carrinho  

(Vazio)

Obras Recentes

Neste momento não existem novidades